segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

PET SEMATARY - STEPHEN KING 1983

Louis Creed acaba de se mudar com a família para Ludlow no Maine, pois assumiu o emprego de chefe de enfermaria da universidade local.
 A casa deles fica nos limites da rota 15, estrada perigosa conhecida pelo trafego constante de automóveis. O de fato deixa Louis e Rachel, sua esposa, preocupados com a possibilidade dos filhos acabarem atravessando a auto estrada e serem pegos de surpresa por um carro ou caminhão. 
 Logo a família sentem-se em casa e a vontade, até que o gato de Ellie, filha mais velha do casal, morre atropelado, Logo Jub, vizinho que mora do outro lado da estrada, sabe que Ellie irá ficar arrasada pela morte de Church, então ele leva Louis para a floresta que fica atras da casa dos Creed, onde as crianças construíram um cemitério para seus animais de estimação, com o nome "semitério de bichos" escrito errado numa placa, acontece que próximo daquele mesmo cemitério há um cemitério indígena construído pela tribo Micmac há anos, logo que ele enterra o gato, ele acaba voltando a vida... Logo todos começam a notar que algo está estranho e eles começam a evitar a presença do gato, exceto por Ellie que fica super animada, com a ideia de ter seu bichinho de volta, apesar de ele ter um cheiro estranho dali em diante.
Quando tudo parece bem a família Creed acaba sendo abalada por uma grande tragédia, Gage o filho mais novo da família acaba morrendo atropelado e logo Louis faz o mesmo percurso para enterrá-lo no cemitério micmac, o que resulta no menino vivo outra vez, porém ele volta como um monstro disposto a causar mais estragos.
Logo que você está lendo o livro, começa a notar que todo o percurso feito pelos personagens se torna uma loucura alucinógeca, e que os atos são influenciados por forças malignas. 



De fato esse deve ter sido um dos livros mais famosos de King, por toda sua morbidez, não vou mentir a leitura desse livro é de fato difícil e não só por mim, mas por muitos outros consideram um do livros mais macabros de King, o marketing do livro se rodeou em volta de " o livro é tão assustador que segundo King não deveria ser publicado" porém o fato real de King não querer que o livro fosse publicado é por que ele simplesmente não acreditava que ele era tão bom assim. Agora imagina se o livro nem é tão bom e conseguiu vender mais 600 mil cópias de capa dura somente no seu primeiro ano, imagina quando King considera que escreveu um bom livro... 
Meus caros nossa overdose King está chegando ao fim, mas queria muito que vocês me dessem dicas de livros ou escritores que vocês querem, ou até mesmos filmes e séries, aí faremos mais dias com o que vocês pedirem. 
Eu gostaria de agradecer a todos que tiraram minutos de suas vidas vindo ler as resenhas da OVERDOSE KING, e ler outras coisas do blog, eu de fato espero que tenham gostado, muito obrigado, por todos meus amigos, que me motivam e pelo pessoal do " asas em livros" que é um dos melhores grupos em que já estive, pois de fato vocês me deram o empurrão que faltava pra tudo isso. Obrigada de verdade a todos vocês,principalmente a Katt que os juntou, de verdade não citarei outros nomes do " asas em livros", pois todos vocês de certa forma me ajudaram, toda vez que mando o link pra vocês darem uma olhada e dizer se ficou bom, toda vez que falo sobre tal livro e o que acham, de verdade obrigada.
Eu queria dizer obrigada também a vocês, que leem o blog, e queria pedir que todos que visualizam, se gostarem sigam o blog, pra nos dar uma forcinha.
Obrigada meus loves, esse é apenas o começo.
Beijos de luz meus caros.

sábado, 27 de fevereiro de 2016

O APANHADOR DE SONHOS - STEPHEN KING- 2001

O livro se passa em Derry, cidade mal-assombrada do Maine(com sempre Derry...), o livro relata a verdadeira amizade de 4 amigos, que juntaram suas forças e foram capazes de um grande ato de coragem e bondade, Henry, Jonesy, Beaver e Peter estavam voltando depois de um dia normal de aula, quando se deparam com a grande injustiça que está sendo feita a Duddits, um jovem com deficiências mentais, o que faz com que o senso de justiça dos jovens grite cada vez mais alto, depois de ajudarem o jovem Duddits tudo muda, logo o quarteto se torna um quinteto e os jovens estão cada vez mais unidos.
Logo algo sobrenatural sobre Duddits é revelado, o que resulta em uma ligação mental e física entre os amigos, que se mantem até o fim. 
Agora adultos os amigos matem uma tradição de se encontrarem todos os anos em uma casa de campo, mas neste ano eles irão enfrentar coisas que jamais imaginaram, coisas inesperadas e logo após ajudarem um homem suspeito e muito misterioso, eles acabam entrando em uma corrida contra o tempo e contra a morte. O livro relata também o poder da memória , o que se torna super interessante, por eles interagirem com isto.
 O livro como já não é novidade mistura o sobrenatural com coisas da vida real.
 O livro também ganhou uma adaptação nas telinhas do cinema " DREAMCATCHER" lançado aqui no Brasil, em 18 de Abril de 2003,o elenco contou com ninguém menos que Morgan Freeman, Jason Lee, Thomas Jane, Timothy Olyphant, Damian Lewis, Donnie Wahlberg, dirigido por Lawrence Kasdan, co-escrito pela mesma e pelo roteirista William Goldman, o filme fez um sucesso considerável e é intrigante pelos vários gêneros atribuídos, bom vindo de uma adaptação das obras de King, já estamos acostumados...
Bom meus queridos, espero que estejam gostando da overdoseking e aguardem por que logo tem mais. 
Beijos de luz.

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

MR. MERCEDES- STEPHEN KING, GANHA CAPA E DATA PRÉ VISTA

Meu amores, essa notícia nem é tãão nova, porém no início do mês, foi lançada a capa nacional do novo livro de King, que deve estar chegando nas livrarias em Março, aqui no BR.
Mr. está sendo publicado pela Editora Suma de Letras, e esta com um preço bem acessível, bom agora você vai dizer: "AH KEES, PARA ESTAR COM UM PREÇO OK, APOSTO QUE A TRADUÇÃO DEVE ESTAR HORRÍVEL"
Olha a editora GARANTIU QUE IREMOS GOSTAR.....E de fato espero que sim. Eu vou deixar o link de ode estão acontecendo as pré vendas pra vocês, e de verdade estou com uma ótima impressão do livro, acredito que é ótimo.
Vamos falar um pouco do livro, pra vocês se inspirarem:

Mr, Mercedes é o primeiro livro da trilogia " Bill Hodges"; 
Mr. Mercedes, um homem que acaba de ser absolvido depois de ter matado, várias pessoas com sua Mercedes, ele passa a ser investigado por um detetive que acredita que ele está prestes a cometer um novo crime, pior que o anterior.

As sequências da trilogia são "FINDER KEEPERS" e "END OF WATCH", que possivelmente, também serão lançadas em 2016 ( OREMOS, IRMÃOS LEITORES).
Mr. Mercedes também irá ganhar uma série de televisão, o episódio piloto, será roteirizado por David E. Kelley, e nosso amado Jack Bender ( assim como de Lost e Under the Dome) será responsável pela direção, ao que tudo indica.
Os  direitos autorais da série são da SONAR ENTERTAINMENT.

Agora só pra deixá-los com um gostinho de quero mais e curiosos, confiram a sinopse:
Ainda é madrugada e, em uma falida cidade do Meio-Oeste, centenas de pessoas fazem fila em uma feira de empregos, desesperadas para conseguir trabalho. De repente, um único carro surge, avançando para a multidão. O Mercedes atropela vários inocentes, antes de recuar e fazer outra investida. Oito pessoas são mortas e várias ficam feridas. O assassino escapa.

Meses depois, o detetive Bill Hodges ainda é atormentado pelo fracasso na resolução do caso, e passa os dias em frente à TV, contemplando a ideia de se matar. Ao receber uma carta de alguém que se autodenomina o Assassino do Mercedes, Hodges desperta da aposentadoria deprimida, decidido a encontrar o culpado.

Mr. Mercedes narra uma guerra entre o bem e o mal, e o mergulho de Stephen King na mente obsessiva e psicótica desse assassino é tão arrepiante quanto inesquecível.


LINK DE PRÉ VENDAS:
 Amazonhttp://bit.ly/1Ua4IYL
Saraivahttp://bit.ly/1Ks56jg

À ESPERA DE UM MILAGRE - STEPHEN KING 1996

À espera de um milagre, é uma narrativa, no caso narrada por Paul Edgcomb, já na idade avançada, que começa a relembrar a época em que era chefe da segurança, do corredor da morte. O ano de 1935 é marcado pela chagada do estranho John Coffey no corredor da morte, acusado de matar duas meninas, Coffey pega pena de morte. Coffey diferente do que muito pensam é uma pessoa boa, e muito doce, é um homem simples, com medo do escuro, que tem o incrível dom da cura.
O durante o passar dos capítulos você vai descobrindo a verdade e logo vê que Paul acaba lutando com sua consciência limpa e o que deve fazer, pois ele sabe que Coffey não foi quem cometeu o crime. É constante no livro o comportamento e a relação entre negros e brancos, entre segurança e carcerário, um dos exemplos disso é Percy, que além de ter uma enorme fissuração pela morte, é um segurança totalmente estúpido com os carcerários, ao contrário de Paul, que é um segurança ao qual, trata a todos com respeito e cuida do corredor da morte, como se fosse uma ala hospitalar. Outro exemplo é " Wild Bill", um problema pra os seguranças, o qual trata todos mal e é um homem totalmente cruel.
Eu realmente sou apaixonada tanto pelo livro quanto pelo filme, Tom Hanks, no papel de Paul e Michael Clarke Duncan no papel de Coffey, ficou de fato perfeito, os jogos de câmera tornaram Duncan, maior do que já é e de fato isso foi de mais, tanto o filme, quanto o livro foram um sucesso tremendo nos anos 90, até por que o filme foi lançado em 99, e faz um grande sucesso até hoje, de fato King é um mestre dos clássicos, ele já foi homenageado por muuitas pessoas, por muuitos blogs, canais, premiado e de fato ele merece tudo isso e muito mais, por sempre tratar de assuntos reais com uma gota de fantasia, tanto seus dramas,terrores, contos, e não ficção fazem tanto sucesso, por King tem o dom da escrita, o poder das palavras, saber escrever bons livros, mesmo quando ele mesmo diz que não foi tão bom.  
Eu de fato estou amando falar de um ídolo não só meu, mas de muitos, fãs espalhados pelo mundo todo. E um dos meus maiores sonhos ainda é conhecer ele, nem que seja apenas pra dizer "thanks", vocês não tem noção, ou tem, mas é um enorme prazer ter feito a Overdose King.
Beijo de luz amores.

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

O talismã - Stephen King e Peter Straub 1983

Jack, um menino de 12 anos, que se joga de cara em uma jornada sobrenatural em outra dimensão, atrás do talismã, para poder salvar sua mãe que está com câncer,
E para isso ele vai até a outra dimensão e é nos território que ele precisa buscar o talismã, porém ao chegar lá ele também descobre que a rainha dos Territórios está a beira da morte, logo ele descobre que a rainha e sua mãe são a mesma pessoa, que vivem em dimensões diferentes. Bom o livro é extremamente interessante e apesar de conter 1050 páginas é uma leitura que se torna rápida, pois é um dos livros que te prende por te deixar com desejo de querer saber logo o que irá acontecer, e por terem tornado os capítulos mais curtos; outra coisa que eu particularmente achei bem interessante é que você dificilmente vai saber distinguir quem escreveu, já que os capítulos foram escritos separadamente, a parceria de King e Straub resultou em uma obra maravilhosa, pois um continuou o raciocínio do outro, dando a impressão que o livro nem foi escrito a 4 mãos.
Outro aspecto do livro que é bem legal é o jeito que Jack amadurece, com  o passar de suas dificuldades.
 O livro fez sucesso, mas não é um dos mais famosos de King, ele também ganhou uma continuação que é " A casa negra", um livro que parece ser fascinante, mas que ainda não li.

Bom pessoal, beijos de luz, espero que tenham gostado.

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

King, o rei do horror

Bom meus Loves, eu disse que o blog, teria novidades e hoje estamos estreando o primeiro post de "CURIOSIDADES", onde falaremos de personagens, escritores, atores, séries, diretores... E para começar não poderíamos fugir do assunto STEPHEN KING...

Stephen Edwin King, nasceu em Portland , EUA, em 21 de setembro de 1947, logo quando tinha apenas dois anos, seu pai Donald deixou a família,  e sua mãe Nellie, criou ele e seu irmão mais velho David, com  muitas dificuldades o que resultou na ida deles para a cidade natal de Nellie, Durham no Maine. 
Há muitos boatos de que King, tenha alimentado seu lado negro e de gosto pelo terror, após ter testemunhado a morte de uma amigo que havia ficado preso nas ferragens e morto pela locomotiva, quando eram crianças. Até o próprio alimenta essa possibilidade.
Tudo começou quando King, começou a escrever pro jornal da Universidade do Maine, onde conheceu Tabitha, com quem veio a se casar mais tarde. O período que passou no campus influenciou muito suas histórias, logo mais tarde ele e Tabitha moraram em um trailer com os filhos e foi onde escreveu muitos de seus livros.
King afirma que quando começou a escrever tudo que vinha em sua cabeça era uma menina com poderes psiquicos, mas depois ele descartou sua ideia, Tabitha resgatou o manuscrito e mandou para Doubleday, o que rendeu US$ 2,5 mil dólares, o que de fato era pouco, porém os direitos autorais de "Carrie"  renderam US$ 200mil dólares. Porém anos mais tarde, depois de ganhar um bom dinheiro e ter obrigações contratuais com a Doubleday, King publicou um dos livros aos quais jamais teve vontade de publicar, "Pet sematary", até então nenhum dos livros de King haviam chegado tão próximo a sua vida real quanto este, ele não queria que fosse publicado, pois não tinha acreditado que o livro era tão bom.
 Assim como no livro ele e sua família haviam se mudado para os limites da tora 15, e na véspera da Ação de Graças o gato de sua filha morreu atropelado, King veio a se arrepender por não ter dito que apenas havia sumido, ele enterrou o bichinho num cemitério de animas contruido pelas crianças, a placa do cemitério até estava com o nome errado "semitério", e King passou muitos dias atravessando a floresta que havia atras de sua casa e indo até o cemitério de animais e foi ali, imaginando o que aconteceria com o gato que ele teve inspiração para o livro, que depois do parecer  negativo de Tabitha, e de Peter o livro ficou guardado por anos, até ele precisar de um livro qualquer para entregar para Doubleday. 
Em uma entrevista King disse: 
"Se eu pudesse escolher, provavelmente não teria publicado esse livro. Eu não gosto dele. É um livro terrível - não pela escrita, mas pelo conteúdo profundamente dark. Ele parece dizer que no final das contas não há esperança, que nada que se faça no final vale a pena, e eu realmente não acredito nisso".


Apesar de o próprio não ter gostado o livro foi de muito sucesso, enfim o que de fato sabemos, é que King realmente sabe escrever e King é autor de mais de 50 livros, todos campeões de vendas, em todo o mundo. Os mais recentes como Sob a Redoma, Novembro de 63, Saco de ossos... também foram muito bem aceitos  e só fez aumentar a legião de fãs. 
Em 2003 King ganhou várias premiações incluindo a medalha de Eminente Contribuição às Letras Americanas da National Book Foundation, em 2007 foi nomeado Grão- Mestre dos Escritores do Ministério dos Estados Unidos. 
O cara de verdade merece, logo mais farei uma lista literária sobre os livros dele. Afinal alguém que tem mais de 50 livros que se tornaram sucessos, ganharam adaptações no cinema e séries/miniséries de televisão merece tudo isso e muito mais. E mesmo que em muitas obras adaptadas King reprove, a maioria do publico ama, pelo simples fato de ser ótimo e de ser King.

terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

DEPOIS DE VOCÊ - JOJO MOYES 15- 02- 2016

Eu sei meus amores, eu estou atrasado no assunto "lançamento", mas eu peço que entendam, cortaram a internet aqui em casa, e como tenho a mania de escrever tudo a mão primeiro, não tinha passado nada pro pc e não consegui programar a postagem. Mas enfim vamos ao que interessa...

(O livro pode está com o preço de R$ 14,99 - 40,00)
"Como eu era antes de você" fez um sucesso danado, com mais 5 milhões de exemplares vendidos em todo o mundo, depois de lerem o primeiro, segundo a Própria Jojo, milhares de leitores encheram sua caixa de e-mails, perguntando o que havia acontecido com Lou e isso fez com que ela tivesse que dar continuação a história da antiga garçonete.
 Em "Depois de você" conta como Lou ainda não superou a perda de Will, e está morando em um flat em Londres e  trabalhando como garçonete em um aeroporto; certo dia após beber muito, Lou cai do terraço, o que a faz ela ter que voltar para a caso da família, mas que também proporciona que ela conheça Sam Fielding, paramédico, que trabalha com a vida e a morte e uma das únicas pessoas que parecem a entender...
Logo que se recupera do acidente Lou, sabe que precisa seguir sua vida e dar um guinada, para tentar se reerguer, ela entra num grupo de terapia de luto, o que é de fato ótimo para ela, pois o grupo compartilha várias risadas, frustrações, histórias, quando Lou acredita que tudo está dando certo, bom é aí que somos surpreendidos por alguém do passado de Will, que a faz tomar um rumo totalmente diferente.
Meus querios, vindo de Jojo, a mulher que nos arranca sorrisos e lágrimas, já sabemos que Depois de você é mais um livro para ler com a caixinha de lencinhos do lado. PROMETO A VOCÊS UMA RESENHA, E IREI ADQUIRIR O LIVRO O MAIS RÁPIDO POSSÍVEL PARA ISSO.
Beijos de luz.

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

JOHN GREEN ESTÁ ESCREVENDO LIVRO NOVO?


EU SEI LOVES, ESSA NOTÍCIA NEM É TÃÃO NOVA, MAS MESMO ASSIM VALE...
Mas no dia 14 de Dezembro de 2015, o amor da minha vida, o cara que fez eu me identificar e depois matar a Alasca, bom o cara que me fez achar que quem iria morrer era a Hazel, e depois matou o gus, o carinha que me fez odiar a Margo, mas depois ver que valeu a pena tudo que Quentin fez, que me fez rir com  Will e will e com as katerines...
 Enfim ele nos levou a loucura ao anunciar que está trabalhando em um novo livro, eu de verdade estou extremamente ansiosa, por isso, vocês não tem noção, afinal o seu último livro que ele escreveu foi " the fault in our star" em 2012, então acho que já ta mais do que na hora, e depois de ter escrito o seguinte em sua página no facebook: 
"Oi! Vou entrar em hiato nas redes sociais a partir de hoje, enquanto trabalho em uma nova história. Voltarei quando tiver feito algum progresso. Existem muitos motivos pelos quais estou dando um tempo, acredito, mas o maior de todos é que preciso escrever um pouco"

CAUSOU GRANDE SUSPENSE, FELICIDADE E CURIOSIDADE nos fãs, bom por enquanto é tudo que sei, mas prometo que dá próxima vez iriei trazer uma notícia quentinha sobre e o mais rápido possível, dependendo de Green. <3
 Beijos de  Luz.

IT - STEPHEN KING 1986

Dessa vez eu vou ser bem sincera com vocês meus caros, hoje a resenha vai ter meu ponto de vista ok?
Eu ganhei It de natal, e comecei, ele além de ser o livro com mais páginas que tenho até o momento, foi também um dos que mais senti medo de ler, eu tenho coulrofobia. pra quem não sabe é medo? fobia de palhaços, e esse medo é bem comum. Eu sinceramente teria um tréco se fosse personagem e com toda a certeza eu iria ver o Pennywise. Vocês podem achar que é um exagero, mas quando eu comecei a ler, logo na primeira aparição do palhaço, eu fiquei com medo, e dormi de luz acesa, por que  de verdade eu tenho MUITO MEDO DE PALHAÇO, e eu sonhei várias vezes com ele. ahaha droguinha.
Enfim vamos para o livro...
Em 1958, Derry uma pequena cidade é abalada por uma série de assassinatos, logo após a morte de Georde, Bill seu irmão, se reuni com os amigos, Richie, Stan, Mike, Eddie, Ben e Beverly para enfrentarem a coisa, uma criatura metaforfa que se transforma no que você mais teme,  e é nesse meio que eles descobrem o verdadeiro significado do amor, da amizade e o profundo poder do medo.
 27 anos depois, a policia de Derry está investigando desaparecimentos de crianças e assassinatos, Mike o único que permaneceu na cidade, sabe do que se trata e é quando contata os outros amigos do grupo, para enfrentar novamente e acabar de uma vez por todas com a coisa.  Porém o grupo de 7, se restringiria somente de 6 agora, pois Stan se mata logo após saber que a coisa está de volta.
Mais uma vez King nos apavora, e trás os problemas retratados e misturados com problemas sobrenaturais, It, foi mais um dos livros de King que fizeram gerações temerem, e inspirou muitos, o livro também ganhou adaptação nos cinemas e teve um incrível elenco, o que fez também um enorme sucesso assim como o livro.

Bom pessoal, desculpa eu ter sumido, eu estou com alguns probleminhas por aqui, porém prometo que a partir dessa semana, a overdoseking, estará toda reorganizada e em seguida terão as novas resenhas, espero que tenham gostado, beijos de luz.

sábado, 13 de fevereiro de 2016

E se Hitler tivesse vencido?

O livro publicado pela editora abril em 2015,  conta com várias possibilidades que a maioria talvez nem pense, o livro se divide em 7 capítulos, ciências, história, Brasil, Mundo, sexo, corpo, curiosidades e cada página é um "e se" novo que ele irá te apresentar.

E se os nazistas tivesse ganhado a guerra?
Bom, pode não parecer, mas eles estiveram bem perto de ganhar, e imagine só o mundo seria um lugar muito diferente.

E se o o Bing Bang não tivesse acontecido?
A principio ninguém sabe, mas é possível que o universo e a vida tivesse acontecido mesmo assim.

E se acontecesse um tsunami no Brasil?
Claro que tsunamis com ondas gigantes é praticamente impossível ocorrer no Brasil;

E se pudéssemos ler pensamentos?
"Seriamos incapazes de traçar estrategias e mantê-las em segredo" - Diz Wilson Mendonça;

E se o incesto não fosse tabu?
Somente a ideia de manter relações sexuais com familiares,para muitos é impensável. É um tabu tão forte, e tão natural que questioná-lo é uma heresia. Mas...

E se todas as espécies cruzassem entre si?
A Terra seria um enorme zoológico psicodélico, cheio de híbridos. 

E se não houvesse decomposição?
A decomposição é um processo essencial para o ciclo da vida. Sem ela o mundo estaria cheio de corpos sem vida, nada se degradaria.

E se ninguém morresse? 
Com certeza o mundo seria super lotado.

O livro também conta, com possibilidades que são tabus,principalmente no sexo e no corpo humano, fala de assuntos que nós nem pensamos e de vários que gostaríamos de saber como é se acontecesse e também lida com fatos de morte e imortalidade, que é um dos desejos da maioria, e mostra que nem todos os desejos seriam bons se acontecessem. Bom pessoal, hoje essa resenha, nem foi muito uma resenha, pois se eu for fazer uma resenha tradicional, vai ser spoiler, e vocês já devem ter notado que eu gosto muito mais de dar incentivos e não spoilers. E o livro é extremamente bom, e muito interessante, acredito que irão gostar se lerem.
Beijos de luz.

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

Carrie - Stephen King 1974

Imagine se você fosse reprimido em todos os lugares que habita... Carrie era uma menina especial,mas também era uma menina muito reprimida pela mãe que a criou a base de várias surras com uma varinha, a mãe de Carrie era extremamente desequilibrada e cristã doentia, tudo o que Carrie sabia era que qualquer erro te levaria para o inferno, um dos episódios que mostram a inocência é quando ela está tomando banho na escola, após uma aula, e tem sua primeira menstruação, no mesmo momento a menina entra em pânico acreditando que iria morrer,que estava tendo uma hemorragia. Carrie é alvo da maldade de suas colegas que jogam vários tampões na garota, logo a professora de Ginastica aparece e repreende Carrie, até notar que a menina realmente não sabia do que se tratava, ela é levada para a direção onde eles explicam a ela o que está acontecendo, e Carrie pede para que eles não liguem para sua mãe. 
Quando ela chega em casa e conta, bom vemos mais episódios de que mãe de Carrie é completamente doente, pois ela bate na menina e faz com que ela vá rezar e diz que ela está pecando. Bom depois de tanto bullying que a menina sofre até dá para entender o motivo dela ter usado seus poderes telecinéticos, matando vários colegas de escola e destruído metade da cidade. Afinal quem nunca se identificou nem um pouquinho que seja com Carrie? E sejamos sinceros, todos também já sentiram vontade de destruir tudo que viam pela frente.
Mais uma vez King usa o sobrenatural para falar de problemas como exclusão social e repressão, Carrie é um mergulho na psique humana, é um livro incrível.



Novamente o livro ganhou uma adaptação, 3 no caso, a primeira em 1976, foi roteirizado pelo próprio King e pelo Lawrence D. Cohen , dirigido por Brian de Palma, na época o filme recebeu muitas críticas pelo excesso de violência e mostrou muito além do que devastação e sangue.
O filme foi protagonizado por Sissy Spacek, ela foi indicada naquele ano, ao oscar de melhor atriz.
 Carrie, a estranha, foi o primeiro livro de King que ganhou adaptação nos cinemas.





A segunda adaptação veio 26 anos depois, em 2002, Carrie foi interpretada por Angela Bettis , edição feita especialmente para televisão, foi dirigida por David Carson, porém desta vez a nova adaptação foi depreciada pelos velhos fãs do original, mas foi considerada bem recebida pela nova geração. O que de fato já era esperado, por que quando se regrava um clássico todo cuidado é pouco.



E a última adaptação protagonizada pela musa da minha vida Chloë Grace Moretz, foi dirigido pela diretora de meninos não choram,  Kimberly Peirce, já essa versão foi considerada pela crítica muito mais erótica, com muitos fetiches e pouco desabrochar de Carrie, porém também trabalha bastante a ideia original.

Bom apesar das críticas as adaptações também fizeram sucesso, pois a história de King é realmente incrível.
Essa foi mais uma resenha da overdose king, espero que tenham gostado. <3

terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

Doutor Sono - Stephen King 2013

Após longos 36 anos, King lança a continuação de 'O iluminado', por que King nos fez esperar tanto? Há especulações que dizem que ele a fez, por estar dando realidade ao livro, outros por apenas estar idealizando a ideia de Danny e o que acontecerá com ele depois de Overlook.

Doutor Sono, lançado em 2013.
 O livro é voltado para Danny já na vida adulta, o livro também retrata medos comuns de jovens como: medo de acabar se tornando e cometendo os mesmos erros dos pais, mesmo tendo demorado anos para se livrar dos traumas de infância causados pelo alcoolismo do pai. Depois de tudo que aconteceu no Overlook, Danny descobre que os fantasmas ainda estavam a espreita, é quando Dick o ajuda a se livrar deles. Porém apesar de tudo, anos mais tarde Dick o reencontra e descobre que ele acaba encontrando refugio na bebida, pois ele não quer prever acontecimentos, ter contatos e comunicação telepática, poder ver espíritos e outras figuras sobrenaturais, fazendo com que o garoto, agora homem, se afogue cada vez mais na bebida, afins de anestesiar sua iluminação.
Após se mudar inúmeras vezes e consequentemente de trabalho também, Dan consegue s estabelecer em uma cidadezinha, onde consegue emprego de enfermeiro em um asilo, onde costuma ajudar as pessoas em seus momentos finais, e fica conhecido na cidade como 'Doutor Sono'. Ele também passa a frequentar os Alcoólicos Anônimos, e é nessa luta para se manter sóbrio, que conhece Abra. É então que Dan se torna mentor Abra, uma menina com o mesmo dom que ele, porém Abra, tem o poder de iluminação mais forte, que Dan já encontrou. Abra se torna alvo de um grupo de parasitas conhecidos como TRUE KNOT que se alimentam da energia de sua iluminação para se manterem jovens para sempre.
Como se não bastasse Dan e Abra unem suas forças para uma 'guerra' psíquica contra o grupo, pois eles vem a muito tempo matando e sugando os poderes de crianças iluminadas.

E novamente King faz a mistura perfeita de sobrenatural+ problemas reais, desta vez trazendo a tona novamente o problema da bebida e do medo de sermos iguais a nossos pais, com o mar de aventuras e dilemas vividos por Danny.
 O livro é excelente, para quem ainda não leu, bom vocês tem que saber que King, afirma que a ideia de escrever o que aconteceu com o Danny, o rondou até se tornar inevitável, e que ele adorou reencontrar Dan e o seguir em suas aventuras. Ele também diz que escreveu o livro com certa insegurança, por ser difícil superar o sucesso do primeiro livro, pois é um dos mais citados, porém ele diz que achou a continuação tão boa quanto o primeiro e que espera que seus leitores também gostem.
 Poxa se King inseguro escreve desse jeito,imagine só... Bom pessoal, espero que tenham gostado do incentivo para ler 'O ILUMINADO' E 'DOUTOR SONO', amanhã tem mais.
Beijos de luz, não esqueçam de seguir o blog para continuar acompanhando.

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

O iluminado- Stephen King 1977


O livro conta a história de uma família americana, que está passando por dificuldades, devido a crise que assola os Estados Unidos nos anos 70. É então que o ex-alcoólatra, Jack, aceita o emprego de zelador de inverno no Overlook Hotel, um resort de verão que se mantem fechado durante a temporada de nevasca.
Jack decide se mudar para o Overlook, com a família, pois acredita que  a tranquilidade aparente do lugar, será propensa para terminar  seu primeiro livro.
Jack nem imaginava o passado horrível do lugar; mas logo esse passado vem a tona, pois passa a perturbar e assombrar Danny, menino de 5 anos que é filho de Jack, que é um iluminado, uma pessoa com habilidades telepáticas, habilidades essas que o fazem enxergar os mortos que ali residem. E é nesse meio que Jack é possuído e se torna um verdadeiro psicopata que passa a caçar sua família.
O livro virou um clássico e foi um sucesso instantâneo, por misturar sobrenatural com os problemas da vida real, mas vindo de King, já estamos acostumados com suas histórias famosas pelo sob olhar sobrenatural+ problemas reais. Nesse caso vemos claramente, o sobrenatural do passado tenebroso de Overlook assombrando o 'presente', e os problemas de Jack com a bebida e como ela pode de fato destruir vidas.

O sucesso de ' O iluminado foi tão grande que logo ganhou adaptação nas telinhas do cinema, dirigido por ninguém menos do que Stanley Kubrick, o filme também fez um grande sucesso logo que foi lançado em 1980, considerado pela crítica o melhor filme de todos os tempos, menos pelo próprio King, que apesar de inúmeras vezes ter dito que Kubrick fez um excelente trabalho, ele também acabou deixando de lado toda a temática da bebida e todo o olhar sobre ela transformar as pessoas e destruir famílias, tornando assim o filme, apenas mais uma história fantasmagórica. 

O iluminado fez tanto sucesso, que ganhou até uma minisséries de televisão em 1997.

Há especulações que dizem que King se inspirou no Stanley Hotel ,pois se hospedou lá antes de escrever o livro. 
O hotel é tão sinistro e cheio de histórias,que acabou fazendo baixar muito o ciclo de clientela, mas os proprietários foram espertos, em outubro do ano passado os donos anunciaram que o hotel vai virar museu do terror, e que planejam gastar cerca de U$24 milhões, na reforma do lugar, que integrará auditórios, arquivos e áreas para produções cinematográficas. E segundo o comunicado oficial diz que Elijah Wood e Simon Pegg estão envolvidos no projeto, então meus queridos aguardem, pois logo vem novidades por aí.
Bom meus queridos, essa foi a primeira resenha da nossa semana OverdoseKING, contendo algumas curiosidades sobre. Espero que tenham gostado e amanhã tem mais.
Beijos de luz.

sábado, 6 de fevereiro de 2016

STEPHEN KING


Olá meus queridos leitores, como puderam notar, decidi tomar vergonha na cara e reorganizar o blog, então para quem gosta de ler todos os dias meus textos autorais, sobre diiiiversos assuntos, muitos escolhidos por vocês, bom agora vocês podem continuar acompanhando no AS DIFERENTONAS , é só clicar que vocês vão poder ver as novidades de lá.
 Já o Overdose, finalmente será dedicado somente a livros, séries, filmes e com uma novidade que será curiosidades, sobre diretores, atores, escritores, filmes e livros. E para essa reinauguração do blog, nada mais justo do que presentear todos vocês, que tiram alguns minutinhos de suas vidas para vir ler o que eu escrevo.
E é com muuito orgulho, felicidade e gratidão que os informo, que a a partir do dia 8 de fevereiro começa a #OVERDOSEKING, resenhas durante 10 dias, com livros escolhidos com muito amor e carinho por mim.
Cada resenha foi escrita com muito cuidado, para não dar maiores spoilers para quem ainda não leu o livro, poder ler a resenha despreocupado, e que com ela apenas tenha mais vontade de ler, afinal King é um rei que sabe nos encantar, assustar e nos envolver em suas histórias que fazem tanto sucesso por misturar o sobrenatural com problemas reais.
 Provavelmente eu irei postar um cronograma de algumas resenhas, mas tem outras que são surpresa, então sigam o blog e acompanhe.
Obrigada pela atenção, beijos de luz.

Me before You- Como eu era antes de você

A incrível história de Will e Lou, ganhou adaptação nas telinhas e o Trailer foi lançado essa semana, quem leu o livro e se encantou com a história da ex-garçonete que vira "assistente"/ cuidadora de um tetraplégico ,rico, mal-humorado e disposto a amargurar todos a sua volta, vai chorar muuuito com o filme também, Quem estava ansioso para o lançamento que seria dia 18 de março, bom como todos sabemos a data foi alterada pela segunda vez , mas agora parece ser definitiva, o filme sairá dia 3 de Junho de 2016 e com data para o dia 16 de Junho. Então para quem ainda não leu o livro pode ficar tranquilo que dá tempo, para quem já leu, bom agora finalmente pode ler a continuação : Depois de você, que chega nas livrarias dia 15 de Fevereiro 2016. Então fiquem atentos.

O mundo de Tim Burton - MUSEU DA IMAGEM E DO SOM, SÃO PAULO

E nesse dia 3 de fevereiro começou a exposição "O mundo de Tim Burton" no Museu da Imagem e do Som de São paulo, que particularmente para mim, é uma lastima, pois voltei de Sp dia 25, mas tudo bem, Vários outros fãs vão poder ser deliciar com as mais de 500 imagens do cineasta, que vão desde desenhos de sua infância à carreira concretizada de diretor.

Para quem deseja ir visitar a exposição mais informações em: O mundo de Tim Burton

* Não é por acaso que falei da exposição, realmente eu queria muuuito ir, mas gostaria de avisar que dia 10, teremos uma surpresa para os demais fãs de Tim.*

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Caixa de pássaros

Eu sei que "Caixa de pássaros"  foi lançado a bastante tempo, e que você com certeza já deve ter lido ou ter ido atrás de outras resenhas.
Antes de tudo quero deixar claro, que para a primeira postagem do Blog eu decidi fazer sobre o livro que pra mim, foi o melhor do ano.
Então vamos lá...

Em Abril a editora Intrínseca lançou o livro "Caixa de pássaros", é o primeiro livro do cantor e compositor da banda de rock: High Strung, Josh Malerman.
     Há algo lá fora, que ninguém sabe o que é, pode ser um homem, um animal, mas como saber? Há algo lá fora, algo que não pode e nem deve ser visto. Foi chamado de "Relatório RÚSSIA" inicialmente, ninguém sabe o que é, de onde veio, mas basta apenas uma olhada e em seguida você estará cometendo atos de violência mortal contra pessoas e logo comete suicídio.Quem permaneceu vivo, não sabe em quem confiar.
      Portas sempre trancadas e cobertores tapam as janelas,ninguém mais ousa olhar lá fora, ninguém se quer sai de casa, pelo menos não de olhos abertos. Depois de quatro anos há poucos sobreviventes, abrigada desde o suicídio da irmã, Malorie vive com Garoto e Menina em uma casa abandonada, próxima ao rio Michigan, com o tempo ela aprende a realizar tarefas e até percorrer grandes distâncias de olhos vendados. Obrigada a procurar um lugar seguro para seus filhos, o aparecimento de uma misteriosa neblina, faz Malorie decidir abandonar a casa, ela e os filhos se jogam de cara em uma aventura incrível e assustadora em um barco a remo e para melhorar tudo... DE OLHOS VENDADOS. Eles vão em busca de um lugar melhor para viver.
 Malerman conseguiu um suspense, daqueles que você definitivamente NÃO CONSEGUE PARAR DE LER EM QUANTO NÃO ACABA E QUANDO ACABA... QUER MAIS. Um mistério que te leva a usar muito da imaginação,( o que de fato torna tudo mais interessante, pelo fato de você ter que idealizar o perigo) em torno do perigo que não pode ser visto. O que pode ser tão aterrorizante ao ponto de não poder ser visto?