sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

À ESPERA DE UM MILAGRE - STEPHEN KING 1996

À espera de um milagre, é uma narrativa, no caso narrada por Paul Edgcomb, já na idade avançada, que começa a relembrar a época em que era chefe da segurança, do corredor da morte. O ano de 1935 é marcado pela chagada do estranho John Coffey no corredor da morte, acusado de matar duas meninas, Coffey pega pena de morte. Coffey diferente do que muito pensam é uma pessoa boa, e muito doce, é um homem simples, com medo do escuro, que tem o incrível dom da cura.
O durante o passar dos capítulos você vai descobrindo a verdade e logo vê que Paul acaba lutando com sua consciência limpa e o que deve fazer, pois ele sabe que Coffey não foi quem cometeu o crime. É constante no livro o comportamento e a relação entre negros e brancos, entre segurança e carcerário, um dos exemplos disso é Percy, que além de ter uma enorme fissuração pela morte, é um segurança totalmente estúpido com os carcerários, ao contrário de Paul, que é um segurança ao qual, trata a todos com respeito e cuida do corredor da morte, como se fosse uma ala hospitalar. Outro exemplo é " Wild Bill", um problema pra os seguranças, o qual trata todos mal e é um homem totalmente cruel.
Eu realmente sou apaixonada tanto pelo livro quanto pelo filme, Tom Hanks, no papel de Paul e Michael Clarke Duncan no papel de Coffey, ficou de fato perfeito, os jogos de câmera tornaram Duncan, maior do que já é e de fato isso foi de mais, tanto o filme, quanto o livro foram um sucesso tremendo nos anos 90, até por que o filme foi lançado em 99, e faz um grande sucesso até hoje, de fato King é um mestre dos clássicos, ele já foi homenageado por muuitas pessoas, por muuitos blogs, canais, premiado e de fato ele merece tudo isso e muito mais, por sempre tratar de assuntos reais com uma gota de fantasia, tanto seus dramas,terrores, contos, e não ficção fazem tanto sucesso, por King tem o dom da escrita, o poder das palavras, saber escrever bons livros, mesmo quando ele mesmo diz que não foi tão bom.  
Eu de fato estou amando falar de um ídolo não só meu, mas de muitos, fãs espalhados pelo mundo todo. E um dos meus maiores sonhos ainda é conhecer ele, nem que seja apenas pra dizer "thanks", vocês não tem noção, ou tem, mas é um enorme prazer ter feito a Overdose King.
Beijo de luz amores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião...